Em colação de grau virtual, aluno da Seciteci conta que foi aprovado em dois concursos

colação virtual Barra do Garças
Ao todo, 13 alunos se formaram em Técnico de Edificações na Escola Técnica Estadual de Barra do Garças

 

“O curso foi extremamente importante pra mim, foi um divisor de águas na minha vida, por causa dele passei em dois concursos”, disse o aluno William Tavares Bezerra, de 34 anos, ao se formar no curso Técnico em Edificações promovido pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci), por meio da Escola Técnica Estadual (ETE) de Barra do Garças (há 520 km de Cuiabá).

Durante a colação de grau virtual o aluno contou que após anos sem estudar, voltou a se dedicar aos livros por causa da oportunidade de fazer o curso na ETE. E desde então ele que decidiu investir mais tempo e dedicação aos estudos.

“Agradeço a Seciteci por esta oportunidade, pois como eu já atuo na área como pedreiro, então eu tive uma motivação a mais pra estudar e foi assim que eu consegui passar nestes concursos na minha área, estou muito feliz e pretendo continuar focado nos estudos”, diz.

Além de William, outros 12 alunos participaram da colação de grau que precisou se realizada virtualmente, pois devido à pandemia da Covid-19, alguns eventos presenciais estão suspensos no município, então a ETE buscou uma alternativa para concluir as formalidades necessárias, realizando o evento de forma remota, para dar andamento à entrega de diplomas.

A diretora da ETE, Veronica Silveira Vasconcelos Luz, ressalta que mesmo neste momento de pandemia, as unidades tem se esforçado para dar andamento aos protocolos escolares, pois a conclusão destes cursos facilita o ingresso dos alunos ao mercado de trabalho.

“Muito de nossos alunos já atuam na área, com essa conquista com certeza terão mais oportunidades para suas vidas. É uma imensa alegria realizar esta colação, temos a sensação de ter mais uma missão cumprida”, falou.

Segundo a diretora o evento virtual não diminuiu a emoção do momento e foi uma oportunidade de manter a aproximação, ainda que virtual, dos estudantes.

“Foi tudo diferente, mesmo sendo virtual estávamos muito unidos e com os corações gratos e alegres por este momento”, ressaltou.

O evento virtual contou com a participação do superintendente de Educação Profissional e Superior da Seciteci, Aryeh Hessel Craveiro e também da coordenadora de Educação Profissional e tecnológica da Seciteci, Ana Flavia Derze Soares.

 

Notícia da Seciteci | Camila Paulino

Educadora da Seciteci tem três trabalhos sobre ensino aprovados em evento internacional de educação

educadora da seciteci em apresentação de trabalhos
A mestra em Educação foi convidada a escrever um artigo para uma revista virtual francesa, no qual ela está elaborando um material sobre educação profissionalizante

 

A professora da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci), Janaina Monteiro da Silva, que atua na Escola Técnica Estadual (ETE) de Rondonópolis (há 212 km de Cuiabá), participou do evento internacional XIV Colóquio Internacional de Educação e Contemporaneidade e, na ocasião, apresentou três trabalhos voltados para educação. Todos foram aprovados pela comissão organizadora.

O evento iniciado em 2007 conta com a participação de especialistas em educação do mundo todo e foi criado para oferecer um espaço democrático para apresentações e discussões sobre temas importantes para o universo acadêmico. É organizado pela Universidade Federal de Sergipe (UFS) e neste ano, devido à pandemia do Covid-19, o evento foi em formato virtual.

Janaina que é mestra em Educação pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e atua como Educadora Física na ETE, apresentou durante o evento três trabalhos com os temas: pedagogia geral; metodologia de pesquisa; ludicidade do processo de ensino e aprendizagem. Ela conta que participar deste evento e ter a aprovação dos projetos foram as maiores realizações profissionais.

“Eu enviei uma apresentação dos trabalhos por meio de vídeos gravados e durante o evento eu apresentei um resumo e respondi as perguntas da comissão. Quando eu soube que todos foram aprovados, fiquei imensamente feliz, foi a certeza de que os meses de dedicação e empenho valeram a pena”, diz.

As pesquisas de Janaina, que também é pedagoga, estão relacionadas as teorias e práticas dos profissionais da educação, mais especificamente no ensino profissionalizante. Ela conta que durante o evento ainda foi convidada para escrever um artigo para uma revista virtual francesa.

“Eu fiquei muito feliz com o convite e estou elaborando um material sobre educação profissionalizante, tomara que seja aprovado e publicado. Eu vou continuar pesquisando, lendo, estudando, escrevendo e fazendo produções para melhorar as minhas práticas pedagógicas e claro, também contribuir e expandir as reflexões para a comunidade escolar”, afirma.

O secretário Nilton Borgato da Seciteci, ressalta que mesmo em meio à pandemia os professores estão buscando se capacitar, participando de congressos e eventos virtuais para oferecer melhor qualidade de ensino, ainda que aplicado de forma remota.

“Reconhecemos o empenho e dedicação dos nossos professores em buscarem qualificação e apoiamos estas iniciativas, pois elas acarretam em profissionais melhores e mais capacitados para o ensino profissionalizante. Uma excelente notícia para comemorarmos no dia do professor”, reforçou o gestor.

Notícia da Seciteci | Camila Paulino